Sampaio empata fora de casa com o Coritiba

Coritiba e Sampaio Corrêa se enfrentaram no Couto Pereira. (Divulgação / Coritiba FC)

Atravessando um jejum de vitórias e marcando presença na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro Série B, o Sampaio Corrêa iniciou a sua participação no returno da competição nacional na noite desta sexta-feira (10), com uma difícil missão: segurar o Coritiba, um dos principais candidatos ao acesso, em pleno Couto Pereira. Mesmo sem encerrar a série negativa, que chegou agora a 10 jogos, a Bolívia Querida fez uma atuação segura, deu um alento ao seu torcedor e segurou o empate por 0 a 0 diante do Alviverde.

Mesmo em situação delicada, a equipe do Sampaio Corrêa não se intimidou e fez uma boa atuação no primeiro tempo contra o Coritiba, com direito a uma bola na trave aos 12 minutos, com Matheusinho. Na etapa final, o Tricolor diminuiu o ritmo e teve que trabalhar mais no campo de defesa, mas conseguiu controlar as investidas do Coritiba, que deixou o Couto Pereira vaiado por seus torcedores.

Com o empate fora de casa, o Sampaio Corrêa chegou aos 17 pontos em 20 rodadas e permanece na penúltima posição da Série B. A distância para o Brasil de Pelotas, time de pior campanha fora do Z4, caiu para quatro pontos, mas o Xavante tem um jogo a menos. Já o Coritiba, com 29 pontos, caiu para a 10ª colocação e perdeu a chance de encostar no G4 da Segundona.

Depois da viagem a Curitiba, o Sampaio Corrêa terá dois compromissos consecutivos como mandante na Série B, sendo que o primeiro deles será no próximo sábado (18), às 19h, contra o Guarani, no Estádio Castelão. Na mesma data, mas às 16h30, o Coritiba encara o Atlético Goianiense, em partida que será disputada no Estádio Olímpico de Goiânia.

O jogo

Mesmo atuando ao lado de seu torcedor e diante de um Sampaio Corrêa em momento difícil, o Coritiba não conseguiu se impor nos primeiros minutos de partida no Couto Pereira. Bem posicionado em campo e atento aos ataques dos donos da casa, o Sampaio não se intimidou, avançou a marcação e quase abriu o placar logo aos 12 minutos, com Matheusinho, que recebeu cruzamento de Alysson e acertou a trave do goleiro Wilson.

Enquanto o Coritiba tentava impor seu ritmo de jogo, o Sampaio Corrêa mostrava uma tranquilidade surpreendente para quem está na zona de rebaixamento da Série B. Fechando espaços e trocando passes, a Bolívia Querida chegou com perigo aos 18 minutos, com o atacante Alison Mira, que arriscou o chute e parou na defesa de Wilson. Pouco depois, aos 21, Matheusinho avançou pela direita, mas não conseguiu completar a jogada e cruzou a bola nas mãos de Wilson.

Aproveitando a falta de organização do Coritiba, a equipe do Sampaio Corrêa permanecia no campo de ataque, criando oportunidades de gol. Rogério, aos 31 minutos, e Alyson, aos 37, tiveram chances claras, mas chutaram para fora, e a arbitragem marcou impedimento nos dois lances. O Coritiba respondeu aos 38: após cruzamento de Jonatas Belusso, a bola passou por Bruno Moraes e Vitor Carvalho, que não conseguiram a conclusão para o gol, mesmo com Busatto batido no lance.

Sampaio diminui ritmo, mas Coritiba não assusta

Vaiado pela torcida no intervalo, o Coritiba voltou com uma nova postura para o segundo tempo, dificultando a vida da defesa do Sampaio Corrêa. Apostando em cruzamentos e jogadas pelas pontas, o Coxa balançou a rede aos 13 minutos, com Jonatas Belusso, mas a arbitragem marcou impedimento do atacante. A resposta do Sampaio veio aos 16: após driblar Rodrigo Ramos na ponta esquerda, Bruninho fez o cruzamento para a grande área, e Wilson teve que sair do gol para fazer a defesa.

Depois da pressão inicial do Coritiba, a partida ficou equilibrada no Couto Pereira. Enquanto os donos da casa apostavam nos levantamentos para a grande área, o Sampaio Corrêa tentava surpreender nas jogadas em velocidade. Em jogada individual, o Coxa quase abriu o placar aos 31 minutos: Yan Sasse avançou, chutou forte, e a bola passou por cima do gol do Sampaio.

Diante de um Coritiba sem muita organização e vaiado pela torcida, o Sampaio Corrêa manteve a tranquilidade, esperando a chance de definir a partida em um contragolpe. Os donos da casa, entretanto, evitaram qualquer tentativa tricolor e ainda tiveram a chance da vitória aos 47 minutos: Jean Carlos, da entrada da área, arriscou o chute forte, mas Busatto, bem posicionado, fez a defesa e garantiu mais um ponto para o Sampaio na Série B.

FICHA TÉCNICA

CORITIBA: Wilson; Rodrigo Ramos, Romércio, Rafael Lima e William Matheus; Vitor Carvalho, Uillian Corrêa (Jean Carlos), Guilherme Parede e Thiago Lopes (Yan Sasse); Jonatas Belusso e Bruno Moraes (Alisson Farias). Treinador: Eduardo Baptista

SAMPAIO CORRÊA: Busatto; Silva, Joécio (Rogério), Maracás e Alysson; Adilson Goiano, Willian Oliveira (César Sampaio) e Fernando Sobral; Bruninho (João Paulo), Matheusinho e Alison Mira. Treinador: Paulo Roberto

Leia mais notícias em RadioNoticiaMaranhao.com.br e siga nossas páginas no Facebook, no YouTube e no Instagram. Envie informações à Redação do Rádio Notícia Maranhão por WhatsApp pelo telefone (98) 98770 3557.

DEIXE UM COMENTÁRIO