Imperatriz bate América nos pênaltis e avança

Coice do Cavalo de Aço derruba Mecão (Foto: Divulgação)

O Imperatriz venceu o América-RN nos pênaltis e está nas oitavas de final da Série D. Depois do 2 a 1 favorável ao Alvirrubro no placar no tempo normal, o time maranhense venceu por 5 a 4 nas penalidades e garantiu vaga na próxima fase, eliminando o time treinado por Ney da Matta em plena Arena das Dunas. Sabendo da necessidade de atacar para conseguir o resultado, o América-RN começou a partida em ritmo intenso e querendo abrir o placar de cara. Quase conseguiu no início, mas a zaga estava atenta. O gol parecia questão de tempo e saiu aos 25, quando Lucas Silva recebeu ótimo lançamento de Pardal e bateu na saída do goleiro. Só que o cenário mudou três minutos depois, quando Júnior Chicão deixou tudo igual. Praticamente no último lance da etapa inicial, o Alvirrubro voltou à frente no placar quando Danilo invadiu a área e contou com desvio na zaga para marcar.

PRIMEIRO TEMPO
O América-RN começou a partida em ritmo acelerado. A primeira chance veio logo aos três minutos, quando a zaga afastou tentativa de Cascata. O Alvirrubro continuou jogando no campo do adversário e conseguiu abrir o placar aos 25. Adriano Pardal descolou ótimo lançamento para Lucas Silva, que dominou livre na área e tocou na saída do goleiro. Mas a vantagem durou apenas três minutos. Aos 28, Júnior Chicão apareceu sem marcação e empatou de cabeça. No fim, os donos da casa chegaram ao segundo gol após boa tabela entre Danilo e Pardal. O lateral recebeu na área e bateu, a bola ainda desviou em Maycon antes de entrar.

SEGUNDO TEMPO
A etapa final começou da mesma forma que a incial: América-RN no ataque e Imperatriz apostando no contra-golpe. Só que, dessa vez, os visitantes que desperdiçaram a primeira chance, quando Kanu não aproveitou rebote de Fred e chutou por cima. Logo depois, Jadson chegou a balançar as redes, mas o assistente havia marcado impedimento do zagueiro. No lance seguinte, Danilo salvou em cima da linha o que seria o empate do Cavalo de Aço e, na descida em sequência, Cascata parou em Jean. Os times se alternaram na criação de chances, mas o placar permaneceu inalterado, levando a decisão da vaga para os pênaltis.

PENALIDADES
O Imperatriz abriu a série e viu Júnior Chicão desperdiçar a primeira cobrança. O gol de Luiz Fernando colocou o América-RN em vantagem. Wanderley empatou para os visitantes, mas Rodney recolocou o Alvirrubro à frente. Na terceira rodada de cobranças, Daniel Barros e Adriano Pardal converteram. O mesmo aconteceu com Kaká e Jonathas, que também marcaram. Na quinta cobrança, André Penalva manteve as esperanças, que aumentaram quando Flávio Carioca mandou por cima o pênalti que daria a classificação aos donos da casa. Nas cobranças alternadas, Cloves fez o seu e Jadson isolou, dando a vaga na próxima fase ao Cavalo de Aço.

O QUE VEM POR AÍ?
O Imperatriz agora terá um clássico maranhense nas oitavas de final da Série D. O Cavalo de Aço enfrentará o Moto Club, que despachou o Fluminense de Feira e avançou. Com a eliminação, o América-RN encerra seu ano e só volta a disputar uma partida oficial em 2019.

Leia mais notícias em RadioNoticiaMaranhao.com.br e siga nossas páginas no Facebook, no YouTube e no Instagram. Envie informações à Redação do Rádio Notícia Maranhão por WhatsApp pelo telefone (98) 98770 3557.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO